sexta-feira, 14 de junho de 2013

#41 - Para Sempre, Kim e Krickitt Carpenter

Oi gente.

Resolvi fazer a resenha do livro Para Sempre de Kim e Krickett Carpenter. O livro deu origem a um filme de mesmo nome, ainda não vi, mas hoje lembrei da resenha da Dani (aqui) do blog "Livros, a janela da imaginação", e resolvi tirar o livro da estante e ler.

"A vida que Kim e Krickitt Carpenter conheciam mudou completamente no dia 24 de novembro de 1993, dois meses após o seu casamento, quando a traseira do seu carro foi atingida por uma caminhonete que transitava em alta velocidade. Um ferimento sério na cabeça deixou Krickitt em coma por várias semanas. Quando finalmente despertou, parte da sua memória estava comprometida e ela não conseguia se lembrar de seu marido. Ela não fazia a menor ideia de quem ele era. Essencialmente, a "Krickitt" com quem Kim havia se casado morreu no acidente, e naquele momento ele precisava reconquistar a mulher que amava."

Muita gente já conhece o livro, a história. Eu, particularmente, não tinha interesse em ler. Uma história de superação, muito bonita pelo que já tinha lido, mas estava mais disposta a ver o filme.

No entanto, fico feliz por ter lido e ter visto nas palavras dos autores e protagonistas da história o que precisaram passar, a superação, os momentos em que achavam que nada ia dar certo e ao mesmo tempo a fé de que ia dar certo. A dúvida e a confusão causada por tanta dor.

Não tenho muito a falar do livro, nas 144 páginas que li, o que posso dizer é que fiquei comovida com o que eles passaram. Como bem mencionado no livro, parecia que eu estava vendo o filme "Como se fosse a primeira vez" nas linhas que lia. O amor de Kim por Krickett e a força de vontade de Krickett, que apesar das circunstâncias tentava acreditar (e acreditou) que conseguiria superar.

O livro não tem muitas surpresas, é o que diz na sinopse e ponto final. O que você lê nestas 144 páginas é um diário do que foi aquele período turbulento para Kim. E, por isso, indico a leitura. Pois nada mais justo do que ouvir a história pela boca de quem a viveu.

No final do livro, Kim diz "Quando você fechar este livro, quero que se lembre de que, durante a vida, você vai enfrentar momentos muito difíceis, mas é possível encontrar a força que precisa em Deus."

*Daqui para baixo não faz parte da resenha, mas é o resultado da leitura para mim.

No momento em que li esta pequena frase, que apesar de pequena, cheia de significados, lembrei (como se fosse possível esquecer) de tudo o que minha família está passando, diferente de tantos modos, mas igualmente frustrante.

Mas é a fé em Deus que nos conforta e eu sei que quando as coisas acontecem elas têm um propósito, ainda não sei qual o propósito desta situação, mas acredito na força das nossas orações e no amor que nos une, que logo logo este pesadelo vai acabar. Logo toda a família voltará a sorrir e tudo não passará de um pesadelo.

Mais uma vez eu peço, Deus, meu Senhor, protege meu primo. Ilumina os corações daqueles que o levaram e o traz para casa são e salvo. Devolve a paz aos nossos corações. Abençoe e proteja o dia e a noite de Fabinho, acalme seu coração. Muita força e fé, meu primo. O Senhor está com você.

Beijos-Beijos e até mais.


Dados sobre o livro:
Nome: Para Sempre
Autor: Kim e Krickitt Carpenter
Editora: Novo Conceito
Ano: 2012
Páginas: 144

Nenhum comentário:

Postar um comentário